Ceará faz último treino antes da partida diante da Chapecoense e segue para concentração
Campeonato Brasileiro

Ceará faz último treino antes da partida diante da Chapecoense e segue para concentração

Treinador Enderson Moreira, lateral Cristovam e volante Fabinho conversaram com a imprensa sobre a partida diante da equipe Catarinense

Foto: Bruno Aragão/cearasc.com

A sexta-feira foi dia de finalização de preparação para a partida diante da Chapecoense no estádio Vovozão. Após uma semana de trabalhos com foco na equipe do interior de Santa Catarina, o treinador Enderson Moreira realizou uma atividade de apronto para a partida. Antes do início do treinamento, o lateral-direito Cristovam e o volante Fabinho conversaram com os jornalistas na sala de imprensa Sérgio Pinheiro.

Com passagens pelo futebol catarinense, Fabinho comentou sobre as qualidades da equipe de Chapecó. “A Chapecoense é uma equipe muito qualificada. Nós pudemos ver o jogo deles contra o Grêmio e perceber como é uma equipe de qualidade. Fora de casa geralmente jogam atrás da linha da bola e com a bola vão buscar sempre o contra-ataque. Nós vamos precisar ter paciência e sabedoria pra conseguir o resultado”, afirmou Fabinho.

A não ser que aconteça alguma surpresa, Fabinho estará entre os titulares na partida deste sábado. Assim como ele, quase todos os atletas que jogaram o Clássico-Rei estão a disposição de Enderson Moreira, exceção apenas para o lateral Samuel Xavier, por conta do terceiro cartão amarelo, tomado no jogo diante do Fortaleza.

Para substituir o camisa 22, uma das opções era até mesmo o próprio Fabinho, que poderia ser deslocado do meio campo, para a lateral, mas é bem mais provável a entrada de Cristovam. O lateral falou sobre a oportunidade que deve receber na partida deste sábado. “O Samuel está jogando muito bem, isso é inegável. Esse jogo pra mim é uma decisão, tenho que estar muito focado e muito concentrado pra mostrar tudo o que eu posso e ajudar o Ceará”, disse o lateral.

Caso vença a Chapecoense neste sábado, o Mais Querido poderá se aproximar da zona de classificação para o G6, grupo das equipes que se classificam  para a Taça Libertadores da América do ano que vem. Sobre a busca por objetivos como este, o treinador Enderson Moreira disse ser necessário o popular ‘pé no chão’ para que eles possam ser alcançados. “A gente está dando um passo de cada vez. Nosso grupo está com a cabeça muito equilibrada, pra não ficar com uma empolgação excessiva nas vitórias, nem achando que está tudo errado quando os resultados não vierem. O segredo pra conseguir o que a gente busca é justamente esse”, disse Enderson.

Após as atividades desta sexta, o elenco almoçou no CT de Porangabuçu e seguiu para a concentração, em um hotel da capital cearense. A equipe permanecerá lá até o horário da partida para a Arena Vozão.

Este será o sétimo jogo entre Ceará e Chapecoense na história. Até aqui, foram três vitórias alvinegras, dois empates e apenas uma derrota. O último confronto entre as duas equipes aconteceu há pouco menos de um ano, no dia 30/09/18, na Arena Vozão. O Ceará venceu por 3x1 com gols de Valdo, Arthur e Leandro Carvalho.

Participe das nossas promoções, clique AQUI e faça seu cadastro.


Relacionadas

Últimas