Nota oficial: Ceará lamenta comercialização indevida de camisas do clube
Comunicação

Nota oficial: Ceará lamenta comercialização indevida de camisas do clube

Responsáveis pelo vazamento do modelo 2019 de nossa camisa encontram-se detidos na capital cearense

Foto: Divulgação/cearasc.com

Duas pessoas foram presas nesta terça-feira, 16/07, por venderem de forma ilegal materiais exclusivos do Ceará Sporting Club.

Na última semana, um lote com 22 camisas oficiais e inéditas foi furtado, enquanto era transportado para a capital cearense. Após alguns dias do furto, o clube identificou que estavam comercializando as camisas em um site de vendas e trocas da internet e seu Departamento Jurídico comunicou o fato para Polícia, que, através do serviço de inteligência do 21º BPM, identificou os responsáveis pela comercialização ilegal.

Nesta terça-feira, 16/07, os acusados da comercialização ilegal foram detidos e se encontram presos no 26º Distrito Policial.

O Ceará Sporting Club lamenta profundamente o vazamento e a comercialização irregular do modelo 2019 do manto alvinegro. Mesmo com o ocorrido, temos a certeza do brilhantismo da festa oficial de lançamento da nova camisa nesta quinta-feira, 18/07.

Por fim, o Ceará Sporting Club agradece o trabalho das Polícias Militar e Civil do Estado do Ceará, bem como a equipe de segurança do clube, que atuaram com agilidade e eficácia neste caso.

Participe das nossas promoções, clique AQUI e faça seu cadastro.


Relacionadas

Últimas